Dresden

O que fazer em Dresden no inverno

Veja o que fazer no inverno em Dresden e como aproveitar a cidade com neve!

Dresden no inverno

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na sua viagem à Alemanha. São dicas muito boas, que vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá.

Como é o clima de inverno em Dresden?

O inverno se estende da última dezena de dezembro, até a terceira semana de março. O mês mais frio do ano em Dresden é janeiro, quando as temperaturas médias ficam na casa dos 0ºC, mas podem chegar aos -10ºC. As chances de chover são altas o ano inteiro, tendo uma média de 68 mm de precipitações em janeiro. Uma dica importante é que no inverno o dia escurece muito mais cedo, por volta das 17h. Então é bom acordar cedo para aproveitar os passeios mais legais de ver durante o dia.

Inverno em Dresden

Veja agora os melhores passeios para fazer em Dresden no inverno:

1. Comer as comidas tradicionais alemãs no inverno

Nada melhor que o inverno para dar aquela boa desculpa e comer sem piedade. Afinal, o corpo pede isso no frio, e se pensar por outro lado, nessa estação o corpo perde mais calorias! Aproveite a estação para comer aquelas comidas pesadas e típicas da Alemanha, como o joelho de porco, chucrute e outros tipos de pratos.

Comidas tradicionais alemãs no inverno

Banner-Gabr

2. Visitar museus de Dresden

O inverno é ideal para fazer passeios em locais fechados e cobertos, como os museus, que normalmente são climatizados. Conheça, por exemplo, o Münzkabinett, o museu mais antigo de Dresden. Fundado em 1530, este centro possui a terceira maior coleção de moedas e medalhas da Alemanha, a qual conta com cerca de 300 mil objetos.

Já o Kupferstich-Kabinett é o museu de figuras, desenhos e fotografias, o qual possui uma coleção incrível de 500 mil itens, sendo que somente uma parte fica em exposição. Os artistas com maior destaque deste acervo são: Albrecht Dürer, Jan van Eyck, Francisco de Goya, Hans Holbein, Michelangelo, Rembrandt e Rubens.

Museu Münzkabinett em Dresden

Também vale ver o Rüstkammer, que é o museu das maiores coleções mundiais de armas cerimoniais, armaduras e têxteis históricos. Para você ter uma ideia da riqueza desta coleção, cerca de 1.300 artefatos ficam expostos, mas este número representa menos de 10% de todo este acervo. O complexo do Castelo de Dresden funciona das 10h às 18h, permanecendo fechado apenas nas terças-feiras.

Museu Rüstkammer em Dresden

3. Assistir a um espetáculo na Casa de Ópera de Dresden

Você sabia que em Dresden fica a casa de ópera mais famosa de toda a Alemanha? Conhecida como Semperoper, esta casa abriga uma das orquestras mais antigas e tradicionais do mundo, a Sächsischen Staatskapelle. O edifício em que esta ópera está localizada foi construído entre 1838 e 1841, mas foi um marco histórico destruído, também, na Segunda Guerra Mundial. Por este motivo, a Semperoper só foi reaberta 40 anos depois, em 1985. Por lá são oferecidos tours guiados, os quais custam 11 euros e são realizados conforme agenda oficial desta atração.

Casa de Ópera de Dresden

4. Conhecer a Catedral de Dresden

A Catedral de Dresden, mais conhecida como Hofkirche, é a mais importante igreja católica deste destino – e uma boa opção para se abrigar do frio do inverno. A Catedral da Santíssima Trindade foi construída ente 1738 e 1751, sendo esta realizada a pedido do Rei Augusto III da Polônia. Este marco histórico foi muito danificado durante a Segunda Guerra Mundial, mas em meados dos anos 80 realizaram a sua reconstrução. A entrada é gratuita!

Catedral de Dresden

Para quem gosta de visitar igrejas, também vale conhecer a Igreja luterana em Dresden, chamada em Dresden de Kreuzkirche. De estilo barroco, ela foi construída entre 1764 e 1800 e foi um ponto de extrema importância histórica, destruído nos bombardeios da Segunda Guerra Mundial, fato que fez com que a Kreuzkirche fosse parcialmente restaurada.
Esta igreja é famosa por abrigar o coral Dresdner Kreuzchor, que existe há mais de 700 anos. E sua torre, que possui 92 metros de altura, ,também chama a atenção por ter uma plataforma de observação da cidade, com entrada paga.
Igreja luterana em Dresden
5. Visitar o Castelo de Dresden

O Castelo de Dresden ou Palácio Real de Dresden, chamado em terra alemã de Residenzschloss, é um dos prédios mais antigos e tradicionais deste destino. Vale destacar que este edifício abrigou, por quase 400 anos, duques e reis da Saxônia da casa de Wettin. Saiba que uma das características que mais se destacam por lá é a união de diversos estilos arquitetônicos, os quais vão do barroco ao neo-renascimento.

Castelo de Dresden

Outro ponto que merece destaque neste palácio é o fato de, atualmente, ele abrigar um complexo fantástico de museus. O primeiro centro de história e cultura do Castelo de Dresden é o Grünes Gewölbe, sendo que este museu conta com a maior coleção de tesouros da Europa, com diversas peças que vão do barroco ao classicismo.

6. Parque GroẞEr Garten em Dresden

O inverno também é o período ideal para fazer passeios românticos em Dresden, já que a cidade ganha um charme especial. Por isso, não deixe de fazer um passeio pelo GroẞEr Garten, um lindo parque público de Dresden, todo construído em estilo barroco e formato retangular. Com uma área de 1.8 km², este complexo data o ano de 1676, mas só foi aberto ao público em 1814. Por lá você encontrará atrações bem famosas de Dresden, como o zoológico e o jardim botânico desta cidade.

Parque GroẞEr Garten em Dresden

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre o que fazer em Dresden no inverno, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Use o seu celular à vontade na Alemanha e na Europa

Poder usar seu celular em Berlim, na Alemanha, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos, parques e museus de Berlim que são ótimos, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular.

  • Pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Alemanha nas redes sociais.

Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre o que fazer em Dresden no inverno.

Usar o celular à vontade na Alemanha

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Alemanha

Agora que você já viu tudo sobre o que fazer em Dresden no inverno, uma dica legal e que faz a diferença na viagem à Berlim é escolher bem a localização do seu hotel e se hospedar perto das atrações turísticas. A cidade é grande e ficando bem localizado você vai aproveitar muito mais e gastar muito menos tempo e dinheiro se deslocando até os lugares.

Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Berlim, que lá tem as dicas das melhores regiões para se hospedar e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar hotéis excelentes em promoção nessas regiões que são super disputadas). Vale a pena caprichar na reserva do hotel em Berlim.

Berlim

Outra dica legal é que os pontos turísticos e cidades vizinhas são um pouco afastadas, e alugar um carro é um ótimo negócio. A Alemanha é linda para ser explorada de carro e além de ter muito mais facilidade para conhecer os pontos turísticos da própria cidade, você pode fazer a bela viagem até Munique, Frankfurt, Bruxelas ou Amsterdã.

Além das estradas serem lindas, super seguras e das cidades que ficam no meio serem vilarejos bem legais de conhecer, na Alemanha estão as famosas Autobahns, que são as estradas que não tem limite de velocidade e quem gosta de dirigir pode ter uma experiência incrível. Se quiser, veja nossa matéria de aluguel de carros em Berlim e na Alemanha com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, dicas incríveis e comparadores de preços excelentes para economizar muito alugando um ótimo carro.

Dica para comprar os ingressos mais baratos

Uma outra dica é comprar todos os ingressos das atrações e excursões com antecedência, pela Internet. O valor é sempre mais barato do que comprar na hora, você não pega filas e já viaja com tudo planejado. Nós sempre pesquisamos bastante, e indicamos esse site de ingressos. É um dos maiores do mundo e super confiável. Tem todos os passeios e excursões da Alemanha, sempre com preços excelentes.

Veja outras matérias imperdíveis da Alemanha:

O que fazer em Berlim: Principais atrações, passeios e lugares de Berlim.
Ingressos das atrações mais baratos: Onde comprar os ingressos das atrações turísticas.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *